Visita de Estudo a Lisboa

18 de Março de 2012

Os docentes de História proporcionaram aos alunos do 9º ano uma visita de estudo a Lisboa, tendo em vista a consolidação de conteúdos abordados nas aulas.
Devido ao elevado número de alunos, a visita processou-se em duas fases. O primeiro grupo realizou a visita nos dias 6 e 7 de março e o segundo grupo nos dias 13 e 14 desse mesmo mês.
Madrugadores lá avançaram, quais guerreiros à conquista da capital. Aí chegados começaram por realizar uma visita guiada pela Tapada de Mafra. Trata-se de uma área murada, mandada construir por D. João V (1747) como parque adjacente ao Convento de Mafra e vocacionada para a caça, tão em voga na realeza da época.
Em seguida, foi tomada de assalto a magnífica aldeia típica de João Franco em Sobreiro. Este autêntico artista recuperou os usos e os costumes das gentes do concelho e fez desta sua aldeia uma paragem obrigatória com ambientes a convidarem a belas viagens no tempo.
Para a tarde estava reservada uma visita guiada ao Mosteiro dos Jerónimos, mosteiro manuelino, testemunho monumental da riqueza dos Descobrimentos Portugueses. O dia concluiu-se com a visita à Torre de Belém, um dos ex-líbris do património cultural português.
O segundo dia iniciou com a visita ao Museu Nacional dos Coches. Espaço que alberga os coches mais representativos dos últimos três séculos, onde se destacam os de D. João V e aquele em que seguia D. Carlos quando foi assassinado. Seguiu-se uma visita guiada, com animações pontuais, a um dos últimos grandes edifícios em estilo rococó erguidos na Europa, o Palácio Nacional de Queluz.
Rumaram depois ao Palácio de S. Bento, onde foram recebidos por deputados eleitos pelo círculo eleitoral de Viseu (Acácio Pinto e Elza Pais). Aí almoçaram e puderam assistir ao início de uma sessão da Assembleia da República, em dia de interpelação ao Governo.
Era hora de regressarem a Moimenta da Beira. Para trás ficavam dois dias intensos em que os objetivos terão sido plenamente atingidos.